Faltou Bola

A Seleção Brasileira Feminina não venceu nenhuma partida no Torneio da França e só marcou 2 gols, ambos de pênaltis, marcados por Marta. Nos 3 jogos realizados, foram 2 empates (Holanda 1×1, Finlândia 0x0) e 1 derrota (França 2×1). Para quem imaginava pelo menos uma apresentação convincente, a equipe nacional frustrou as expectativas criadas e pelo jeito a treinadora Pia Sundhage vai ter muito trabalho pela frente.

Faltou Bola II

Em entrevista ao Sportv, Pia fez uma análise da Seleção Brasileira no torneio realizado na França. “Precisamos aumentar nossa performance física, porque se fizermos isso, elas terão uma melhor técnica, tomarão as melhores escolhas e estaremos mais conectadas, tanto no ataque quanto na defesa. Precisamos estar mais em forma, e também há a questão da temporada. As atletas que atuam no Brasil ainda nem começaram (a temporada). Isso pode ser um fator para explicar essa falta de conexão. Mas se você vai jogar um torneio de três, quatro jogos, precisamos melhorar nosso físico”, explicou a técnica.

Preparação com Sucesso

No último jogo-treino de preparação para o Sul-Americano, que será realizado em abril, no Chile, a Seleção Brasileira feminina Sub-20 venceu a a equipe profissional feminina do Corinthians por 2 a 1, na última terça-feira, em São Paulo. Os gols do Brasil foram marcados por Milena e Tarciane. Antes, o time nacional havia realizado outros dois jogos-treinos e venceu o América/MG por 5×0 e o Red Bull Bragantino por 3×1.

Grupos Definidos

Na semana passada, aconteceu sorteio dos grupos do Sul-Americano Feminino Sub-17 2022. A Seleção Brasileira ficou como cabeça de chave do Grupo B e enfrentará a Argentina, Bolívia, Paraguai e Venezuela. O torneio será realizado de 1º e 19 de março, com todas partidas disputados no Estádio Charrúa, em Montevidéu. O Brasil é o atual campeão e vai em busca do título e também de uma vaga na Copa do Mundo, que será disputada na Índia, em outubro deste ano.

Contratações Alvinegras

O Ceará anunciou mais uma contratação para a temporada. A atacante Day, de 21 anos, que ano passado estava no rival Fortaleza. A atleta começou na base da Menina Olímpica, mas em 2018 atuou pela equipe alvinegra, onde foi campeã cearense adulto e também do Sub-20. O novo vínculo com o clube alvinegro vai até o final de 2022. Day é o 7º reforço do Ceará para este ano, antes já contratou: goleiras Thaís Helena e Lia Nogueira, a volante Thaynara, a lateral Emily, a meia Bianca e a atacante Taciana Ceará.

Coluna Joguem Com Elas Nº 6

📸Marco Galvão/CBF
📸Thaís Magalhães/CBF