Há pouco mais de 40 anos, o Guarani de Campinas, interior de São Paulo, assustou o Brasil ao ser campeão brasileiro de 1978 com um time encantador liderados por um artilheiro, que depois iria brilhar na Seleção e em Nápoles: Careca.

Desde então, vários times do interior de São Paulo viraram protagonista no cenário nacional: Inter de Limeira, Bragantino, São José, São Caetano, Santo André….

A inauguração da Arena Romeirão, nesta segunda-feira, 28 de março, pode ser a pedra fundamental para o início de uma nova era para o futebol cearense, principalmente, num polo já conhecido por produzir grandes nomes: Geraldino Saravá, o maior artilheiro da história do Castelão, do Fortaleza e do antigo Romeirão, é de lá, começou no Icasa.

Além de um região que possui vários clubes de tradição (Guarani, Crato, Barbalha e Icasa), o Cariri também possui uma torcida apaixonada e louca por futebol. Sem contar que há uma nova geração de times e de valores surgindo como o Cariri Football Clube.

Ou seja, há mão de obra, há demanda, há público e há uma estrutura acima do padrão para o futebol do interior do Ceará também ser protagonista. Com Ceará e Fortaleza brilhando na Série A do Brasileiro, quem sabe os times do Cariri também não surpreendam e copiem o sucesso que foi em Campinas, Limeira, Bragança Paulista….

Evento

A Arena Romeirão tem capacidade para 17 mil lugares, mas somente dez mil convites foram colocados à disposição, com todos esgotados. A festividade começou às 18h, e o amistoso entre a Seleção do Cariri contra um combinado dos times do Ceará e Fortaleza foi vencido pelos donos da casa por 2×1.

“Estamos e vivemos um momento único em nosso futebol, com nossos clubes como únicos representantes do Norte e do Nordeste na elite do futebol Brasileiro, além da participação em competições internacionais, como a Libertadores e a Sul-Americana. Dessa forma, o Governo do Estado e o os clubes continuarão cada vez mais fortes nas parcerias”, destacou o Governador Camilo Santana.

A Arena Romeirão conta com 16 cabines para a imprensa (10 para rádios e 6 para TVs), camarotes, praça de alimentação, lojas, Museu do Esporte e estacionamento. As obras para reformar o antigo Estádio Mauro Sampaio tiveram investimento de cerca de R$ 80 milhões do Governo Estadual.

📸Divulgação/MPCE
📸Andrei Macedo/Arena Romeirão