No Avaí, Bissoli marcou 14 gols em 32 jogos. Foto: Ascom/AFC

A diretoria do Ceará vai seguir o planejado com a ideia de contratar 4 reforços na janela de transferências de julho. O clube já anunciou o lateral-direito Orejuela, já fechou com o atacante Guilherme Bissoli (que deve ser anunciado em breve).

As outras 2 contratações são 1 lateral-esquerdo e 1 meio-campista. O clube fez consulta pelo lateral Nicolas, do América/MG, mas recebeu a negativa dos dirigentes mineiros, assim como não obteve êxito na sondagem ao meia Danielzinho, do Bahia.

Dessa forma, os cartolas alvinegros permanecem no mercado para atender o pedido do técnico Eduardo Barroca, que deu o aval para Orejuela e Bissoli. Aliás, o centroavante trabalhou com o treinador no Avaí e vai assinar contrato com o Ceará até o final desta temporada. Caso o clube retorne à Série A, a renovação por 1 ano será automática.

Por outro lado, o Ceará não descarta a contratação de mais um atacante. No entanto, aí depende, da oportunidade do mercado. Se o custo for baixo e encaixar nos planos da comissão técnica. Do contrário, o elenco vai seguir com os 9 atacantes: Erick, Nicolas, Vitor Gabriel, Janderson, Luvannor, Hygor, Pedrinho, Erick Pulga e agora Bissoli.

No entanto, Luvannor e Hygor receberam sondagens, mas nada de forma oficial, caso seja formalizada uma proposta oficial e os valores agradem aos atletas, estafes e diretoria alvinegra, talvez, seja possível haver a negociação.