Sabe aquele tempo que só ele tinha o que a gente gostava? Pois é, nesta seção, vamos relembrar alguns causos, curiosidades, artigos e muito mais sobre um período em que não volta mais.

O primeiro deles é sobre comida nos estádios. Há várias, mas uma é especial.

Ah aquele churrasquinho de gato. Ali, na hora do intervalo, às vezes, o desejo era tão grande, que tinha uma turma que nem esperava encerrar o primeiro tempo e já descia os lances de arquibancada para correr lá pro senhor do churrasquinho. Tinham outros que desciam, ficavam escorados no alambrado e logo que o juiz apitava, corriam.

E o tio do churrasquinho não via nenhum problema em pegar o dinheiro com uma mão, abanar a fumaça com a outra, guardar o trocado no bolso e com a mesma mão pegar o espetinho e entregar e depois, aquela passada na testa pra tirar o suor.

Não tinha contágio, não tinha doença, não tinha gripe, não tinha covid, não tinha nada. A gente criava era anticorpos. 

Sabe de mais histórias, vivenciou algo, tem algum causo sobre o churrasquinho de gato? Comenta aí, registra sua aventura daquele tempo.