O Fortaleza não joga um futebol vistoso. Aliás, qual time no Brasil joga um futebol de encher os olhos? Mas neste momento, três meses, após ser contratado, ter pegado Covid, ficado 15 dias afastados, perdido a sogra, Enderson Moreira conseguiu cumprir todas as metas estabelecidas como treinador do Fortaleza.

Para a temporada passada, só tinha um objetivo: evitar o rebaixamento do clube à Série B do Brasileiro. Aos trancos e barrancos, com um elenco montado por outros treinadores, impediu o pior.

Passado o pesadelo, as metas para 2021 foram colocadas à mesa. Para este início de temporada, havia 3 objetivos claros: o tricampeonato cearense, avançar de fase nas duas etapas da Copa do Brasil e chegar às finais da Copa do Nordeste.

O Campeonato Cearense está paralisado, mas no único jogo realizado, o Fortaleza estreou com vitória por 2×0 em cima do Atlético, fora de casa. Na Copa do Brasil, ganhou os dois jogos decisivos contra Caxias, no interior do Rio Grande do Sul, e contra o Ypiranga, no Castelão, ambos por 1×0. 3ª Fase garantida e mais de R$ 2,5 milhões pro clube.

Na Copa do Nordeste, terminou agora a fase de grupos e vai começar as quartas de final. Mas até aqui, o Tricolor foi o líder do Grupo A e dono da melhor campanha entre os 16 participantes. É o time que mais venceu na competição, cinco, e ganhou todas as partidas longe de casa.

A rejeição de parte da torcida ao comandante leonino, que anteriormente chegou a fazer campanha nas redes sociais para a saída do treinador, teve de se render aos excelentes resultados e principalmente objetivos conquistados.

Respaldado pela diretoria e pelos jogadores, Enderson Moreira levou um time reserva para Aracaju e mesmo assim ganhou o jogo contra o Confiança, ratificando o status de melhor equipe da Copa do Nordeste.

Agora, vai ter mais uma semana livre para poder treinar o elenco, formatar a equipe titular e seguir firme no comando do Fortaleza. No Mata-Mata, vai encarar o CSA, no Castelão. Nova oportunidade para seguir cumprindo as metas estabelecidas e ganhar o apoio de todos os tricolores.

📸 Bruno Oliveira/FortalezaEC