Fotos: Mateus Lotif/Fortaleza EC

O árbitro Fifa, Bráulio da Silva Machado, relatou na súmula da partida Fortaleza 0x1 Ceará, na noite dessa quarta-feira, na Arena Castelão, algumas infrações cometidas pela torcida tricolor e especificou o motivo da expulsão do volante leonino Felipe.

O juiz catarinense escreveu sobre os sinalizadores acesos pelos torcedores do Fortaleza que acabaram paralisando a partida por 2 vezes:

“Informo que aos 07 minutos do primeiro tempo, paralisei a partida por 2 minutos e novamente paralisei aos 11 minutos do primeiro tempo por 3 minutos, pois foi observado que no espaço reservado a equipe mandante foram acessos sinalizadores por torcedores, em ato contínuo informei ao delegado da partida para que fosse solicitado ao responsável pelo sistema de som do estádio que fosse comunicado à torcida
para que apagasse os sinalizadores, que foram apagados na sequência em ambas as ocasiões”.

Bráulio Machado também relatou o arremesso de uma garrafa em sua direção, durante o intervalo da partida.

“Informo que no intervalo da partida, enquanto a equipe de arbitragem se retirava do campo de jogo em direção ao túnel de acesso a zona mista, uma garrafa com água foi arremessada em nossa direção, vindo do espaço reservado a equipe mandante, atingindo a proteção de acesso ao túnel. saliento que não recebi nenhum documento identificando o torcedor que realizou tal fato até o fechamento da súmula“.

O árbitro também explicou o motivo da expulsão do volante Felipe, que aconteceu durante a confusão generalizada ainda no 1º tempo da partida e causou revolta dos tricolores, por acharem que foi exagerada.

“Expulsei de forma direta, o jogador nº 15, luís antônio ferreira rodrigues, da equipe fortaleza, por dar um tapa no rosto de seu adversário nº 25, sr. richard candido coelho, no momento em que a partida estava paralisada. informo que o jogador expulso ofereceu resistência para deixar o campo de jogo, ainda proferindo as seguintes palavras de maneira ofensiva e grosseira a minha pessoa:” tu é vagabundo, safado, vai se foder”, repetidas vezes.”

Nas redes sociais, o Presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, divulgou um vídeo criticando duramente a atuação do árbitro e elencou 4 pontos que prejudicaram o time.