Foto: Jorge Rodrigues/AGIF/CBF

O empate contra o Botafogo, por 1×1, neste sábado, no Rio de Janeiro, pela 21ª Rodada do Brasileiro, trouxe problemas para o técnico do Ceará, Marquinhos Santos, que terá dificuldades para montar a equipe nos próximos 2 jogos.

Já para essa quarta-feira, 10, no duelo de volta da quartas de final da Copa Sul-Americana, diante do São Paulo, às 19h15, no Castelão, o treinador alvinegro já não contava com Nino Paraíba, suspenso pelo 3º amarelo e ainda poderá ter mais 3 desfalques.

O atacante Jhon Vázques saiu no final do 1º tempo contra o Botafogo com uma torção no pé esquerdo e foi para os vestiários de maca, porque não conseguia andar. O centroavante Cléber, que entrou no lugar do colombiano, também deixou o Nilton Santos, sentindo um desconforto muscular.

E vale lembrar que o meia Diego Rigonato já havia saído do jogo contra o São Paulo lesionado. De acordo com o clube, ele tem uma lesão no músculo adutor direito e faz tratamento com o departamento de fisioterapia.

Foto: Davi Rocha/Pera Photo Press

Além deles, é bom lembrar que o lateral Bruno Pacheco segue em tratamento fisioterápico e o volante Rodrigo Lindoso fará uma artroscopia do joelho esquerdo na próxima segunda-feira.

Enquanto para o Clássico-Rei, do domingo, dia 14, na Arena Castelão, pela 22ª Rodada do Brasileirão, os zagueiros Luiz Otávio e Messias receberam o 3º cartão amarelo e vão ter cumprir suspensão automática.

O elenco alvinegro retorna do Rio de Janeiro neste domingo, com ordem de reapresentação na segunda-feira, no Estádio Carlos de Alencar Pinto.