Foto: Divulgação/Sejuv

Ceará e Juventude jogam neste domingo, às 16h, na Arena Castelão, pela última rodada da Série A, que encerra a temporada do futebol brasileiro. Por outro outro lado, vai começar uma das obras mais aguardadas do esporte cearense.

A reforma do gramado da Arena Castelão. Nessa segunda-feira, 14, a Secretaria de Esporte e Juventude do Estado (Sejuv) e a Superintendência de Obras Publicas (SOP) vão detalhar em entrevista coletiva, às 9h30, o plano de trabalho e das obras no Estádio.

A previsão é de que toda a reforma seja concluída até fevereiro e no mesmo mês já possa receber jogos do Campeonato Cearense e da Copa do Nordeste (e se o Fortaleza conseguir vaga, na Pré-Libertadores também).

Os representantes da Sejuv e da SOP vão divulgar o calendário, os custos da obra e ainda informar que a Arena estará fechada para qualquer tipo de evento, inclusive no estacionamento, onde geralmente acontecem shows de música.

Vale lembrar que mesmo com a mudança no Governo (sai Izolda Cela e entra Elmano de Freitas) não haverá nenhum impacto no cronograma da reforma. Pelo contrário, o novo governador eleito, inclusive, já avisou que quer o Castelão funcionando com o que há de melhor para os clubes e torcedores.

A Arena passou por vários problemas neste ano. Além do gramado, duramente criticado por dirigentes, treinadores e jogadores, o estádio sofreu com apagões que quase inviabilizaram algumas partidas e precisou passar por inspeção da FCF, CBF e Conmebol para confirmarem se o Castelão estava apto a receber jogos oficiais.

Por outro lado, é bom ressaltar que a Arena Castelão teve um total de 72 partidas realizadas na temporada e foi um dos estádios mais utilizados do Brasil ao lado do Mineirão e do Maracanã. Foram 6 competições ao longo do ano: Campeonato Cearense, Copa do Nordeste, Copa do Brasil, Brasileirão, Sul-Americana e Libertadores.

Em 2021, mesmo sem a Libertadores, a Arena já havia recebido 83 jogos e terminou a temporada como mais usado do Brasil.