Em 18 de abril de 2020, o Estádio Presidente Vargas foi inaugurado como Hospital de Campanha da Prefeitura de Fortaleza no combate ao Covid. Cinco meses depois, foi desativado de forma oficial. Atendeu 1.239 pacientes, recuperou 1025 pessoas e infelizmente registrou 140 mortes.

Em meio à pandemia e com Castelão e Elzir Cabral recebendo jogos, o estádio preferido dos fortalezenses não tem previsão de quando voltará a receber partidas de futebol. Neste momento, o que se sabe é que uma licitação foi feita para restaurar a praça esportiva, mas ainda falta a assinatura da ordem de serviço.

Na reforma, o PV terá um novo gramado, que será igual ao do Castelão, com moderno sistema de irrigação e drenagem. O custo de tudo isso R$ 1,9 milhão e previsão de entrega em seis meses a partir do início das obras.

Ou seja, é provável que somente em 2022 o Estádio Presidente Vargas volte a receber partidas oficias de futebol. Vale lembrar que o último jogo realizado no PV aconteceu em 15 de março, já sem público por causa da pandemia, entre Pacajus e Ferroviário, pelo Campeonato Cearense. Vitória do Ferrão por 1×0.

Três meses antes, em janeiro, o PV recebia grande público para o jogo entre as Seleções do Brasil e da Itália, que disputaram a Final da Copa do Mundo de 1994. A última grande festa do Estádio até aqui.

📸 Sindicato dos Médicos do Estado do Ceará