Fogo de Palha

Depois de quase uma semana de espera, enfim, os jogadores da Seleção Brasileira se manifestaram sobre toda a celeuma envolvendo a realização da Copa América. No entanto, quem esperava algo forte e contundente, viu um pequeno texto (nos stories do Instagram no perfil de cada um deles) relatando que são contra organização do torneio, por parte da Conmebol (diga-se de passagem), mas que vão jogar a competição.

Voando Alto

Em compensação, dentro de campo, a Seleção Brasileira faz bonito. Na noite passada, diante do Paraguai, em Assunção, com gols de Neymar e Paquetá, o Brasil bateu os anfitriões por 2×0, chegou a seis vitórias consecutivas nas eliminatórias da Copa do Mundo, e lidera com folga a classificação. Se não bastasse, a equipe comandada por Tite alcançou a incrível marca de 18 partidas sem derrotas nas eliminatórias, desde que o treinador assumiu comando técnico com 16 vitórias e dois empates.

Pressão Alvinegra

O lateral-esquerdo Bruno Pacheco concedeu entrevista coletiva nessa terça-feira, 08, e foi contundente ao afirmar que não adianta reclamar de cansaço e da quantidade de jogos. Tem de ir a campo e dar o melhor para o Ceará conseguir os objetivos. Deu pra perceber claramente que o jogador (talvez o mais regular do elenco alvinegro) está incomodado com os últimos resultados e sabe que para o Vovô sair da crise precisa superar o Fortaleza, nesta quinta-feira, pela Copa do Brasil, de qualquer jeito, inclusive se for preciso, jogando além do limite físico.

Pressão Tricolor

O meia/lateral Yago Pikachu, na última segunda-feira, no programa Bem, Amigos! do Sportv, falou que todos no Fortaleza estão focados no duelo contra o Ceará, pela Copa do Brasil. Para o jogador, a partida é uma decisão, além de ser a mais importante do ano e também a que pode render uma premiação milionária ao clube (R$ 2,7 milhões). Pikachu foi bastante elogiado por Galvão Bueno e convidados principalmente pelos belos gols marcados nas duas rodadas do Brasileirão.

Transparência Coral

A diretoria do Ferroviário mais uma vez pede aos torcedores para comprarem ingressos virtuais. O próximo jogo do Peixe é contra o Santa Cruz, pela 3ª Rodada da Série C, segunda-feira, 14, às 20h, no Castelão. Aliás, os dirigentes do Ferrão fazem um trabalho de transparência muito interessante. Eles disponibilizam no site do clube o número de bilhetes vendidos e o ganhador da camisa oficial. O ingresso, que pode ser pago via pix, custa apenas R$ 10,00 e o torcedor ainda concorre a um manto coral.

Haja Futebol

O mês de junho reserva mais duas competições para o calendário no futebol cearense. A Série B Estadual e o Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Com esse dois campeonatos, os times locais estão envolvidos em nada menos do que 8 competições: Séries A, C e D do Brasileiro, Copa do Brasil, Brasileiro Feminino A2 e Brasileiro Sub-17. Em julho ainda acontecerá o Brasileiro Feminino Sub-18.

Força Tricolor

O bom momento em que vive o Fortaleza na Série A do Brasileiro provoca a mídia nacional a dar destaque (querendo ou não) nos respectivos programas. Nessa terça-feira, 08, o Presidente do clube, Marcelo Paz, participou do programa do Neto, na Rádio Bandeirantes, e o comunicador da Band era só elogios ao time tricolor. O mandatário leonino explicou todo o processo de contratação do treinador argentino, Juan Pablo Vojvoda, que também já está chamando a atenção de todos.

Dia D

O STJD deve se pronunciar nesta quarta-feira, 09, sobre o pedido de efeito suspensivo solicitado pelo departamento jurídico do Ceará para os jogadores Gabriel Dias, Jael e Mendoza. A comissão técnica alvinegra vive a expectativa para que o clube tenha êxito e assim escalar o trio de titular na decisão contra o Fortaleza, pela Copa do Brasil. Vale lembrar que Mendoza e Jael não jogam desde a derrota para o Jorge Wilsterman, na Bolívia, pela Sul-Americana, enquanto Gabriel Dias atuou no último Clássico-Rei.

📸 Pedro Martins / MowaPress

Coluna Partículas Atômicas do Blog Nº 42