No sorteio dos confrontos das Quartas de Final da Copa do Brasil, o Fortaleza viu a bolinha do São Paulo aparecer na sua frente. O Tricolor do Pici vai decidir em casa o duelo, que pode levá-lo a uma Semifinal inédita e ainda amealhar mais de R$ 7 milhões de premiação. As datas ainda serão definidas, mas estão programadas para os dias 25 ou 26 de agosto (Morumbi) e 01 ou 02 de setembro (Castelão).

Aliás, em 2020, os dois tricolores se enfrentaram pelas Oitavas de Final da Copa do Brasil, com o Paulista avançando na competição nos pênaltis após empates por 3×3 e 2×2. Outra curiosidade é que assim como o Fortaleza, o São Paulo também não possui o título da competição. Aliás, é a única taça que falta na galeria dos são-paulinos.

Nesta temporada, ambos já se enfrentaram, pelo Brasileirão, no último dia 17 de julho, no Morumbi, com vitória do Fortaleza por 1×0, gol do atacante Robson. O duelo na Copa do Brasil tem tudo para ser equilibrado. Só um louco ou um gaiato pode afirmar que um vai passar sem percalços para a próxima fase.

No entanto, diferentemente do Fortaleza, que mantém uma constante na temporada: Chegou às semifinais da Copa do Nordeste (perdeu nos pênaltis para o Bahia, que foi o campeão), levantou a taça de Campeão Cearense e está em 3º lugar no Brasileiro jogando um bom futebol, o São Paulo vive um momento de bipolaridade.

A equipe comandada pelo também argentino Hernan Crespo ao mesmo tempo que foi campeã paulista, está também nas Quartas de Final da Libertadores, onde eliminou de forma brilhante o Racing, em Buenos Aires, é o mesmo que se mantém na zona de rebaixamento do Brasileirão há um bom tempo. Em 14 partidas, são apenas 2 vitórias (Bahia e Inter), 6 empates e 6 derrotas (uma delas justamente para o Fortaleza).

É verdade que Crespo teve muitos problemas com a ausências de vários jogadores. As estrelas do time Daniel Alves, cedido à Seleção Olímpica, e Luciano, machucado, fazem muita falta aos são-paulinos. Isso sem contar que Miranda e Rigoni também desfalcaram e trouxeram dor de cabeça ao treinador. Por outro lado, é provável que o elenco esteja completo para os confrontos da Copa do Brasil.

Vale lembrar, contudo, que o São Paulo tem pela frente já na próxima semana, terça-feira, dia 11, e na outra dia 18, os duelos das Quartas de Final da Libertadores contra o Palmeiras.

E é ai que o Fortaleza pode levar um pouco de vantagem. A equipe de Juan Pablo Vojvoda não terá jogos no meio de semana até enfrentar o Tricolor Paulista. Encara neste sábado o Palmeiras, depois o Santos, num domingo, e o Juventude, sábado.

Considerado por muitos especialistas, como a principal surpresa do futebol brasileiro na atual temporada, o Fortaleza é dono de um estilo de jogo para frente, com uma ótima troca de passes, defesa segura (4ª melhor) e ataque letal (5º melhor). Para completar, vai pegar um adversário bipolar. Quem sabe, enfrenta-o justamente naquele momento de crise.

📸 Leonardo Moreira/FortalezaEC