O treinador do Fortaleza, Juan Pablo Vojvoda, falou em entrevista coletiva sobre a derrota para o Atlético/MG, por 2×0, neste domingo, no Castelão. Foi o segundo revés consecutiva neste Brasileirão e o 5º jogo sem vencer no Campeonato (6º no total, contando a Copa do Brasil).

“Estivemos em um nível similar ao do adversário, que tem muita qualidade, no primeiro tempo. O Fortaleza sustentou essa qualidade com intensidade, forçando e criando situações de gol. Não muitas, mas o adversário também não teve. No segundo tempo, o gol saiu muito cedo, com três minutos e em uma boa jogada coletiva. E o segundo foi em uma bola parada que não defendemos bem. No jogo de hoje, vi o time do Fortaleza intenso. Analiso o rendimento e a sensação de hojé é melhor do que foi com o Bahia. Tivemos intensidade e o meu sentimento é conforme o rendimento da equipe”, avaliou o comandante tricolor.

Questionado ainda sobre a confiança do elenco, que tem o jogo decisivo contra o São Paulo, quarta-feira, 21h30, no Castelão, que vale vaga na semifinal da Copa do Brasil, Vojvoda foi categórico.

“A confiança da equipe vai seguir alta. Sabemos que temos de melhorar e trabalhar para conseguir o gol, ter determinação e competir. Mas o Fortaleza está em uma boa posição e conseguiu o respeito do futebol brasileiro. Temos bons jogadores e seguiremos trabalhando seriamente pensando sempre melhorar em cada aspecto“, concluiu.