As últimas 24 horas foram tensas nos bastidores do Ceará Sporting Club. Depois de soltarem uma carta aberta informando que não iriam disputar as eleições, mas pediam que o atual presidente do clube, Robinson de Castro, não disputasse o 3º mandato, os líderes da oposição recuaram e vão, sim, disputar o pleito.

A chapa “Priorizando O Nosso Amor, Futebol”, apresentou como candidatos a Presidente: Paulo Roberto Cavalcante de Vasconcelos, a 1º Vice-presidente: Geovanni Correia Pessoa e a 2º vice-presidente: Francisco Rogério Facundo Filho.

A situação também inscreveu a chapa “Fechado com o Vozão” com Robinson de Castro na Presidência, Humberto Aragão como 1º vice-presidente e Carlos Moraes como 2º vice-presidente.

O último dia de inscrição de chapas foi nessa sexta-feira. O Blog tentou contato com o Presidente da Comissão Eleitoral para saber mais detalhes, porém, o celular estava desligado. Assim que eu conseguir, esta matéria será atualizada. As eleições estão marcadas para o dia 16 de novembro.

Vale lembrar que em agosto a diretoria do Conselho Deliberativo do Ceará analisou uma consulta feita a pedido da Diretoria Executiva do clube para que Robinson de Castro pudesse concorrer a mais um mandato à frente da instituição alvinegra. 

O parecer dos conselheiros foi positivo. Com o sinal verde, Robinson tem tudo para seguir à frente do Ceará por mais 3 anos. O atual mandatário alvinegro foi eleito a primeira vez em 2015, após assumir o lugar de Evandro Leitão, atualmente, presidente do Conselho Deliberativo.

📸Wilton Hoots/CearaSC