Em entrevista coletiva, após a derrota para o Corinthians, por 1×0, neste domingo, na Neo Química Arena, pela 4ª Rodada do Campeonato Brasileiro, o treinador do Fortaleza, Juan Pablo Vojvoda, fez uma avaliação da partida.

“Eu acho que o time jogou uma boa partida. Principalmente no primeiro tempo. Controlou o jogo, teve situações de gol muito claras. O adversário teve uma ou duas no primeiro tempo. Uma descontração da nossa parte no segundo tempo que temos de corrigir. Nos deixa assim sem nada (pontos no campeonato). Agora, é esfriar nossa cabeça e pensar no próximo jogo que é pela Libertadores. Jogo muito importante para a gente. E tratar a recuperação dos jogadores vai ser muito importante e escolher o melhor para quinta-feira”, analisou o técnico leonino, que também falou sobre a finalização da equipe.

“Vamos melhorar nossa efetividade. Isso é uma verdade. Estamos trabalhando para criar situações de gol e vamos trabalhar e estamos trabalhando para que essa situação de gol produza o rendimento no placar. Isso é uma verdade. Não procuramos desculpa. Temos de continuar trabalhando. O funcionamento é bom, o estado anímico do time é bom e temos um grupo de jogadores que vão responder, porque conheço eles e vão responder. Estou todos os dias com eles e hoje analiso novamente. Vamos continuar trabalhando com calma e com muito mais atenção porque esses pequenos detalhes estão custando muito para nosso time”, completou.

Vojvoda também foi indagado sobre os motivos de o Fortaleza estar com 3 derrotas em 3 jogos do Brasileirão e fez questão de ressaltar que não não é por desgaste físico.

“Não há desculpa. Não há nada. Não é por questão física. Não vi uma baixa do rendimento físico. Eu não busco desculpa: é a arbitragem, é o campo, é a viagem. Não. Nós perdemos. Faltou atenção a detalhes. Faltou contra o Inter, onde tínhamos um jogador menos, Zé Welison estava no chão, a arbitragem não parou, nós não paramos e levamos o gol. Hoje, um escanteio muito rápido, um detalhe. E o adversário fica com 3 pontos não fazendo muito mais do que a gente. E teve a falta de finalização contra o Cuiabá. Não estamos atrás de desculpa. Temos de buscar calma e análises prudentes para voltar a ganhar no Campeonato Brasileiro”, concluiu.

O Fortaleza dá novamente uma pausa no Brasileirão e volta às atenções para a Libertadores. Na próxima quinta-feira, às 19h, recebe o River Plate no Castelão. A partida é crucial nas pretensões do clube em ainda tentar uma classificação às oitavas de final.

📸Leonardo Moreira/FortalezaEC