Estádio Presidente Vargas está apto para receber jogos das Séries A e B do Brasileiro. Foto: Blog do Kempes

Atendendo a um pedido do Governador do Estado, Elmano de Freitas, que se reunião nesta segunda-feira, 14, com dirigentes de Ceará e Fortaleza, 1 partida de cada equipe será realizada no Estádio Presidente Vargas.

A solicitação feita pelo chefe do executivo estadual tem como principal objetivo preservar o gramado da Arena Castelão, que sofre com o acúmulo de jogos, 36 no total, desde a reabertura em março deste ano.

Os prováveis jogos são: Ceará x Criciúma pela Série B, que está marcado para o próximo dia 02 de setembro, e Fortaleza x Coritiba pela Série A, que está agendado para o dia 27 de agosto. A CBF já foi notificada, e deve fazer as alterações em breve.

Vale ressaltar que na semana passada a Conmebol deu um prazo de 10 dias para que gramado da Arena Castelão fosse corrigido. O delegado da partida Fortaleza 1×1 Libertad detonou o campo afirmando entre outras coisas que traz até risco de lesão aos atletas.

O representante escreveu que tufos de grama saíam a cada passo dos jogadores e que buracos por quase toda a extensão eram risco para lesão dos atletas dos dois times.

No próximo dia 21 e 22 de agosto representantes da entidade vão vistoriar o Estádio e se for aprovado, não haverá mudanças.

No entanto, se for reprovado, o clube tricolor precisará indicar outro estádio e que tenha capacidade mínima de 20 mil torcedores, que é o que determina o regulamento da Sul-Americana para os duelos das oitavas e quartas de final. Na Semifinal é a partir de 30 mil.