Não há estádio no Brasil que tenha sido mais utilizado em partidas oficiais do que a Arena Castelão na temporada 2021. Desde o final de fevereiro e início de março, quando recomeçou o futebol no País, já são 25 partidas realizadas no Gigante da Boa Vista divididas em 4 competições.

Foram 13 partidas pela Copa do Nordeste, 8 pelo Campeonato Cearense (já contando a final de domingo), 3 pela Copa Sul-Americana e 1 pela Copa do Brasil. O Castelão recebeu jogos com mando de campo dos times do Ceará, Fortaleza e Ferroviário.

O auge do acúmulo de partidas na Arena aconteceu justamente nos últimos 7 dias, com 5 partidas (4 pelo Estadual e 1 pela Sul-Americana), duas delas no mesmo dia (ambas pelo Cearense) na última quarta-feira. Não é preciso nem ressaltar que a cidade de Fortaleza segue em período de chuvas, o que prejudica ainda mais o tapete verde.

Com o Campeonato Brasileiro começando no outro final de semana (29/30 de maio), mais dois Clássicos-Rei pela Copa do Brasil e ainda a possibilidade do Ceará avançar na Copa Sul-Americana, vai ser difícil querer que o gramado do maior Estádio do Norte-Nordeste tenha as condições perfeitas para a prática do bom futebol.

Vale lembrar que além de Ceará e Fortaleza disputarem os jogos do Brasileirão, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana, há o Ferroviário, que também vai mandar os duelos da Serie C no Castelão, quando as partidas acontecerem no período da noite.

A alternativa para os clubes pouparem o gramado seria o Estádio Presidente Vargas, mas o velho, aconchegante e bom PV foi cedido à Prefeitura de Fortaleza para ser Hospital de Campanha contra a Covid, ano passado, e vai passar por uma reforma, que não se sabe quando começa e nem quando vai acabar.

📸 Divulgação/Conmebol