Depois de conseguir a conversão das penas do lateral-direito Gabriel Dias e do atacante Mendoza, o departamento jurídico do Ceará também entrou com mesmo pedido ao STJD para o centroavante Jael. O atleta também foi suspenso pelo tribunal por 10 partidas devido a confusão generalizada na final da Copa do Nordeste contra o Bahia.

Jael já cumpriu metade da pena (5 jogos) e, com isso, o clube alvinegro solicitou a conversão da punição em medida de interesse social. Vale lembrar que Mendoza, que também pegou 10 partidas de gancho, pagou R$ 37,5 mil em cestas básicas a instituições de caridade. Enquanto Gabriel Dias, que pegou 8 jogos, desembolsou R$ 30 mil.

Agora, o Ceará espera o despacho do Presidente do STJD, Otávio Noronha, para contar com Jael no duelo diante do Corinthians, no dia 15, às 16h, em São Paulo. O atleta mesmo que consiga a conversão nesta sexta-feira, não poderá enfrentar o Atletico/GO, domingo, 08, na Arena Castelão, às 18h15 (com transmissão do Premiere), pela 15ª Rodada da Série A do Brasileiro. Devido cumprir suspensão automática pelo 3º amarelo. O Vovô é o 7º colocado com 22 pontos e vem de 10 jogos de invencibilidade.

Jael não joga desde o empate por 2×2 contra o Cuiabá, na Arena Pantanal, no dia 11 de julho, quando marcou um gol. O centroavante, nesta temporada em que já foi suspenso, se lesionou e pegou Covid, atuou em 15 partidas e marcou 4 gols.

📸 Reprodução/Instragram